“O papel do MPT e da Coordigualdade”: assista ao evento virtual que deu início às comemorações pelos 30 anos da Lei de Cotas

print de tela do encontro virtual, com as imagens em mosaico, de José Carlos do Carmo, Adriane Reis de Araújo, Evandro (intérprete de Libras, Djalma Scartezini, Marco Pellegrini, Marcelo Panico, Flavio Gonzalez.

Publicado em: 06/05/2021


Entrevista com a Dra Adriane Reis de Araújo, coordenadora do Coordigualdade, esclarece questões fundamentais sobre a lei de cotas e práticas para a inclusão no mercado de trabalho.

Por Fátima El Kadri

Como diferenciar inclusão de discriminação no mercado de trabalho? Como as organizações podem trabalhar para efetuar a inclusão na prática? Como ocorre o pagamento da multa pelo descumprimento da legislação? Essas e muitas outras questões foram abordadas no encontro virtual: O papel do MPT e da Coordigualdade, ocorrido no dia 03/05. 

No evento, organizado pela Ame e pela Câmara Paulista de Inclusão, foi feita uma entrevista com a Dra. Adriane Reis de Araújo, procuradora do MPT e coordenadora nacional do Coordigualdade, em que os participantes tiveram a oportunidade de debater soluções para aumentar a inclusão e a diversidade no mercado de trabalho, bem como as boas práticas e os obstáculos que ainda são encontrados, tanto pelas empresas quanto pela fiscalização da Lei de Cotas e entidades de defesa dos direitos das pessoas com deficiência.

Também foram discutidas as vantagens e desvantagens do teletrabalho, que, além de dificultar a fiscalização da lei, reduz o convívio social e a possibilidade de ascensão na carreira, podendo prejudicar a saúde emocional dos trabalhadores. 

O debate contou com a participação de vários profissionais e representantes de entidades de defesa dos direitos da pessoa com deficiência: Djalma Scartezini (EY), Marco Antonio Pellegrini (AME), Marcelo Panico (Fundação Dorina Nowill), Flavio Gonzalez (Instituto Jô Clemente), Maria Inês Vieira (DERDIC) e Paulo Vieira (Liderança da Comunidade Surda). A mediação foi feita pelo Dr. José Carlos do Carmo, coordenador da Câmara Paulista de Inclusão.

Se você não conseguiu assistir ao encontro ao vivo, o vídeo está disponível no Facebook da Câmara e da Ame,  neste link.

Voltar para Notícias