SINICESP lança livro sobre inclusão de trabalhadores com deficiência no setor da construção pesada paulista

Foto de um trabalhador que está em cima de um caminhão, vestido com uniforme cor de laranja.

Publicado em: 27/05/2018


No dia 22 de maio, o Sinicesp realizou o lançamento da obra “A Inclusão de Trabalhadores com Deficiência na Construção Pesada”. O livro, com 204 páginas, traz a trajetória de realização de diagnóstico na indústria da construção pesada sobre a presença de trabalhadores com deficiência.

O conteúdo do livro mostra todo o trabalho desenvolvido pelo Sinicesp, empresas associadas, Instituto Amankay e Superintendência Regional do Ministério do Trabalho de São Paulo na análise das particularidades do setor que dificultam a inclusão de pessoas com deficiência. O estudo também promove uma reflexão sobre o aumento da empregabilidade e discute soluções para as barreiras encontradas e para a mudança da cultura empresarial, bem como as ações necessárias para o cumprimento da cota de inclusão prevista no artigo 93 da Lei nº 8.212/93.

A obra faz parte das contrapartidas assumidas pelo Sindicato da Indústria da Construção Pesada do Estado de São Paulo e empresas associadas que aderiram ao Termo de Compromisso firmado com a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Estado de São Paulo em maio de 2016.

Para uma das autoras do livro, a advogada Caroline Melloni Moraes do Nascimento Cliber, coordenadora do Grupo de Trabalho Sobre a Inclusão da Pessoa com Deficiência do Sinicesp, a obra visa a contribuir para que as empresas vençam as barreiras, transformem suas culturas institucionais e contratem profissionais com deficiência qualificados para suas vagas de trabalho, valorizando as características e potenciais individuais dessas pessoas e, assim, obtenham excelentes resultados.

O livro também conta com colaborações do médico e auditor fiscal da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Estado de São Paulo, José Carlos do Carmo, e da coordenadora executiva do Amankay Instituto de Estudos e Pesquisas, Marta Esteves de Almeida Gil.

Para mais informações entre em contato pelo telefone 3179 5827 ou pelo e-mail [email protected].

Voltar para Notícias