Projeto Coexistir auxilia empresas do comércio alimentício a incluir profissionais com deficiência em seus quadros

Reginaldo Lyra, que trabalha em Gestão de Viagens, no Supermercado DIA

O Sincovaga – Sindicato do Comércio Varejista de Gêneros Alimentícios representa o  segmento de alimentação em todo o estado de São Paulo. Com 45 funcionários, atende a quarenta e duas mil empresas de pequeno, médio e grande portes que comercializam gêneros alimentícios.

Ciente de que este importante setor –   que está na ponta da cadeia de abastecimento,  tem capacidade de influenciar a sociedade, o Sincovaga criou o Projeto Coexistir, para dar suporte a essas empresas nas melhores práticas de inclusão e tornar o ramo alimentício um verdadeiro agente transformador da sociedade de consumo.

O Projeto Coexistir acompanha e apoia as atividades desenvolvidas por dezoito empresas signatárias do Termo de Compromisso firmado junto ao Ministério do Trabalho e Emprego, para auxiliá-las a cumprir a Lei de Cotas. Entre suas ações frente às empresas estão os cursos para formação de profissionais de recursos humanos, fóruns de discussão sobre diversidade, exposição em eventos relacionados ao tema, além de apoio em eventos e datas comemorativas – tais como “Dia D” e aniversário da Lei de Cotas.

Para os candidatos, as atividades do Coexistir englobam a orientações na capacitação e no processo de contratação. Como resultado, empresas como o Supermercado DIA, presente em cinco países e com mais de 7.000 lojas, têm o apoio necessário do Sincovaga para a prática da cultura inclusiva, baseada na diversidade, na integração e no ambiente colaborativo.

É do grupo Dia que trazemos o depoimento de Reginaldo Lyra, de 20 anos, que após um período como auxiliar administrativo passou a atuar em nova área, fato que gerou grande motivação ao profissional:

“Me sinto gratificado em trabalhar no DIA, uma companhia que possibilita grandes oportunidades e um ambiente agradável, com pessoas de bom coração, que me ajudam sempre que preciso. Iniciei na empresa em janeiro de 2014, atuando como auxiliar administrativo na área de Comunicação e há oito meses tive a oportunidade de trabalhar em Gestão de Viagens, conhecendo uma nova área. Esta oportunidade significa felicidade em saber que posso desenvolver o meu trabalho da melhor forma possível e que sou reconhecido por isso, independente da minha deficiência. Me sinto parte da empresa!” Reginaldo Lyra.

 

Stela Masson, 6/12/2016

Voltar para Boas Práticas