#27diaspelainclusao #23 Por que dizemos inclusão?

Por que dizemos inclusão? #27diaspelainclusão Sempre utilizamos o termo inclusão quando discutimos o papel da pessoa com deficiência na sociedade, mas afinal, o que queremos dizer com o termo “inclusão”? Anteriormente era utilizado o termo integração, no entanto depois se compreendeu que este era um conceito limitado. A proposta era integrar a pessoa com deficiência na sociedade, mas se exigia que ela se adequasse aos padrões vigentes, na busca de uma suposta “normalidade”. O conceito de inclusão se trata de um movimento de mão dupla. A inclusão assume que a diversidade faz parte da sociedade e que devemos proporcionar oportunidades de convívio e participação social a todos e todas. A inclusão portanto não exige a mudança do indivíduo, mas sim a transformação da sociedade. Assim, incluir significa valorizar as diferenças e quebrar barreiras. Uma sociedade inclusiva tem um compromisso com todas as minorias sociais, a fim de garantir o direito de cidadania a todos independente de sua cor, raça, gênero, crença, etnia ou deficiência. A inclusão é para todos e todas, porque somos todos diferentes

Publicado em: 26/07/2018


Sempre utilizamos o termo inclusão quando discutimos o papel da pessoa com deficiência na sociedade, mas afinal, o que queremos dizer com o termo “inclusão”?

Anteriormente era utilizado o termo integração, no entanto depois se compreendeu que este era um conceito limitado. A proposta era integrar a pessoa com deficiência na sociedade, mas se exigia que ela se adequasse aos padrões vigentes, na busca de uma suposta “normalidade”.

O conceito de inclusão se trata de um movimento de mão dupla. A inclusão assume que a diversidade faz parte da sociedade e que devemos proporcionar oportunidades de convívio e participação social a todos e todas. A inclusão portanto não exige a mudança do indivíduo, mas sim a transformação da sociedade.

Assim, incluir significa valorizar as diferenças e quebrar barreiras. Uma sociedade inclusiva tem um compromisso com todas as minorias sociais, a fim de garantir o direito de cidadania a todos independente de sua cor, raça, gênero, crença, etnia ou deficiência.

A inclusão é para todos e todas, porque somos todos diferentes

Texto: Ariadne Senna, criadora da campanha e assessora da Câmara Paulista pela Inclusão da Pessoa com Deficiência no Mercado de Trabalho Formal. A campanha começou no dia 28 de junho, e serão 27 dias até o dia do aniversário da Lei de Cotas (artigo 93 da Lei 8.213 de 1991), no dia 24 de julho. 

Voltar para Notícias