Agenda 2018 da Câmara Paulista de Inclusão terá acessibilidade e garantia de direitos como pauta principal

Descrição da imagem: dr. Kal fala para o público. Ao fundo, Ivone Santana está no computador.
Dr. José Carlos do Carmo (Kal), coordenador da Câmara para Inclusão, fala durante a última reunião plenária de 2017.

Publicado em: 10/12/2017


Os impactos da reforma trabalhista nos direitos da pessoa com deficiência foi o principal tema do Encontro da Câmara Paulista para Inclusão, realizado nesta quinta-feira, dia 08 de dezembro de 2017. O tema foi apresentado pela procuradora dra. Sofia Vilela, vice-coordenadora nacional da Coordigualdade, Coordenadoria Nacional de Promoção de Igualdade de Oportunidades e Eliminação da Discriminação do Trabalho do MPT. Ela posicionou-se fortemente em favor dos direitos fundamentais, enfatizando que os direitos garantidos pela Constituição Federal aos empregados serão priorizados em todas as circunstancias, seguindo os princípios da Lei, de proteção, ações afirmativas e políticas de cotas.

Público presente na reunião de 7 de dezembro de 2017, na sede do SRTE-SP

Ariadne Senna, da Câmara Paulista para Inclusão, fala ao plenário

Ivone Santa, da diretoria da Câmara e Coordenadora do Instituto Modo Parités, faz uma retrospectiva do site e facebook da Câmara

 

A abertura do encontro foi feita pelo dr. José Carlos do Carmo, Kal, Médico do Trabalho, auditor do Ministério do Trabalho, coordenador do projeto de Inclusão da Pessoa com Deficiência no Mercado de Trabalho Formal da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Estado de São Paulo e coordenador da Câmara Paulista de Inclusão. Ele demonstrou dados estatísticos de contratação das pessoas com deficiência, evidenciando que houve um avanço nos últimos anos porém o Estado de São Paulo está abaixo da média nacional de preenchimento da cota. Ele enfatizou a sinergia entre o MTb e o MPT na garantia dos direitos adquiridos.
Ao final do encontro os participantes firmaram o compromisso de promover uma agenda intensa de reuniões técnicas em 2018, sobre Acessibilidade, e também uma Carta de posicionamento da Câmara Paulista de Inclusão pela garantia dos direitos dos profissionais com deficiência frente às ameaças das alterações na legislação trabalhista.
No início do encontro a consultora em Inclusão Social e Sustentabilidade, Ivone Santana, fundadora do Instituto Modo Parités, apresentou os resultados do posicionamento da Câmara e da divulgação de boas práticas de inclusão no site www.camarainclusao.com.br e na página do Facebook Câmara Inclusão. A assessora da Câmara, Ariadne Senna, apresentou os resultados da pesquisa de satisfação e percepção, realizada junto aos integrantes do movimento.
Por Ivone Santana, 08/12/2017

Voltar para Notícias