Aplicativos ajudam quem tem mobilidade reduzida

Descrição de Imagem: Mulher cadeirante em uma plataforma do metrô com o trem passando ao fundo.
Cadeirante passa ao lado de um trem do metrô em movimento. Foto: Christophe Simon

Publicado em: 05/09/2016


Sejam cadeirantes, idosos, gestantes, mães com filhos pequenos ou pessoas com outras limitações físicas e funcionais, a  ideia dos aplicativos voltados a eliminar ou denunciar barreiras na acessibilidade das calçadas, do transporte público e das edificações comerciais, como empresas, restaurantes e hotéis, ganha mais força a cada dia.

Para ajudar na informação sobre esses serviços gratuitos, destacamos cinco aplicativos (conhecidos como apps) que podem ajudar, e que são acessados via smartphones:

BioMob

O app BioMob, por exemplo, detecta a localização do usuário e sugere locais próximos, conforme a necessidade da pessoa, seja ela deficiente visual, cadeirante, obeso ou idoso. Além de localizar (e avaliar) bares, restaurantes, academias, teatros e outros estabelecimentos, como os terminais de transportes e estações de metrô, o BioMob informa as condições de acessibilidade nas cidades, tanto para os viajantes brasileiros, como para os estrangeiros que vierem para os Jogos Paraolímpicos e turistas em geral. Seu download é gratuito e disponível na versão Android.

Guiaderodas

Outro  guia colaborativo destinado à avaliação e consulta de lugares acessíveis para pessoas com dificuldade de locomoção é o Guiaderodas. Disponível para iOS e Android, o app destaca a existência de vagas especiais para estacionamento ou manobrista, condições de circulação interna, banheiro para pessoas com deficiência e outros detalhes em restaurantes, supermercados, lojas, cinemas, farmácias, consultórios, teatro e até baladas. Com o Guiaderodas o usuário faz uma avaliação, que dura no máximo 30 segundos, para classificar o estabelecimento – como acessível, parcialmente acessível e não acessível – e assim ajudar os outros a decidir por onde andar e para onde ir.

CittaMobi

Para dar informações aos usuários de ônibus, como os pontos de parada e linhas, o CittaMobi está disponível na versão web, mobile, e painéis para terminais. Uma informação muito interessante do aplicativo é identificar se o veículo a caminho é adaptado ou não e, se preferir,  o usuário pode filtrar apenas a circulação de veículos adaptados.

Cidadera e Mobilize

Denunciar os problemas da cidade é a tarefa do Cidadera, aplicativo gratuito para iOS e Android, que ainda oferece a oportunidade das pessoas endossarem as reclamações dos demais usuários e divulgá-las nas redes sociais. Em parceria com o Mobilize, o Cidadera agora também registra problemas na mobilidade urbana, como calçadas irregulares ou obstruídas, que podem ser denunciadas a qualquer hora e lugar.

Mobicity

Para levar mobilidade aos funcionários das empresas – que  podem se encontrar para ir a pé, de transporte público, bicicleta, dividir um táxi ou recorrer a um colega que está pela vizinhança no dia de rodízio e ir de carona, o Mobicity é um aplicativo que inclui vários meios de transporte para oferecer soluções de locomoção na  cidade.

Estamos atentos às inovações que estão chegando através das tecnologias e, em  breve, traremos outras novidades úteis, gratuitas e fáceis de serem incorporadas à rotina do dia-a-dia.

Voltar para Notícias