Projeto fortalece instituições que trabalham a autonomia das pessoas com deficiência

Na foto, duas crianças realizam atividades em uma sala cheia de materiais pedagógicos e lúdicos

Pensando em ajudar iniciativas inclusivas e fomentar o desenvolvimento de Organizações Não Governamentais direcionadas ao apoio a Pessoas com Deficiência, três amigos criaram o Projeto ASID  Brasil – Ação Social Para a Igualdade das Diferenças. Além de capacitar, a proposta é  aproximar diferentes setores em torno de um mesmo objetivo.

Com meta ousada, Alexandre Amorim, Diego Hideo Tutumi e Luiz Hamilton Ribas, fundadores, pretendem apoiar 10 milhões de pessoas até o ano de 2025. Até hoje, 58 mil já foram beneficiadas.

Jovens empreendedores, eles acreditam que associações bem estruturadas, com dinâmicas similares às de empresas saem-se melhor do que aquelas que não utilizam práticas de gestão de negócios. Além do projeto de mentoria, eles dispõem do apoio de 80 corporações, e já afetaram 130 organizações.

As ações são direcionadas para o desenvolvimento pessoal e inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, além do empoderamento familiar. Todas as ações da ASID Brasil, que tem o reconhecimento mundial, são gratuitas.

Leia a matéria na íntegra em:

Saiba mais em:

https://asidbrasil.org.br/?gclid=CjwKCAjwyqTqBRAyEiwA8K_4OxU6fOxqRjHbo_hQHNGeyJ0-1tkr13uLDqNIGjXCwNocHslxrVmcpRoCX_8QAvD_BwE

Texto: Adriana do Amaral

Voltar para Notícias